Home | Quem é Hermes Tadeu | Sua Arte | Fotos | O Que Aconteceu | Homenagens ao Artista
 
 





Manifestações
   
Nós Apoiamos
   
Links Contra a Violência
   
Blog
   


Inicial
> Álbum de Vítimas



Neste espaço, os lábios silenciados pela violência podem contar suas histórias.


Entregamos uma cópia do Álbum de Vítimas da Violência para o Ministro da Justiça do Governo Lula, Márcio Thomaz Bastos, solicitando ações urgentes no combate ao crime e exigindo o fim da impunidade em 08/03/2006.
Estamos ainda aguardamos por estas atitudes, uma vez que as únicas atitudes tomadas neste País são voltadas ao abrandamento ou ao relaxamento legal de criminosos. A sociedade está esquecida e as constantes tomadas de decisão visando a libertação de criminosos e o esvaziamento das cadeias trazem conseqüências irrecuperáveis à sociedade.
Não há preço que pague a vida ceifada.
Não há altruísmo que justifique a hipocrisia de conceder a liberdade a assassinos, em troca do sangue de inocentes.


Rodrigo Balsalobre Damus
*19/01/1979 +27/09/1999

Jovem de 20 anos, trabalhava, estudava jornalismo na FIAM em São Paulo, tinha sonhos para sua vida, seus pais também tinham sonhos de vida para ele, foi vítima de latrocínio na Av. Giovani Gronch em SP, ocorrido em 27/09/1999 cometido por 3 criminosos maiores de 18 anos e um menor de 18 que confessou ter atirado em Rodrigo.

Os três maiores de idade foram condenados a 22 anos de prisão, já conseguiram uma redução da pena para 20 anos e continuam pedindo o abrandamento da pena anualmente. O menor ficou na Febem por 18 meses e foi libertado.

Gabriela Prado Maia Ribeiro
*30/08/1988 +25/03/2003

A estudante Gabriela Prado Maia Ribeiro,teve a vida interrompida, durante um assalto no metrô da Tijuca. Filha única do casal, esta linda
menina de olhos azuis,
doce, amiga e excelente estudante,
teve todos seus planos de vida destruídos pela violência que assola a sociedade brasileira.
Era a primeira vez que Gabriela saía de casa sozinha e ao entrar na estação de metrô, foi atingida por uma bala perdida de um tiroteio entra ladrões e políciais.

Tinha apenas 14 anos.


Hermes Tadeu Moraes
*16/04/1978 +21/12/2003

Desenhista, colorista e ilustrador, era uma das grandes promessas do Brasil nas Histórias em Quadrinhos.
Assinou trabalhos como TEX, X-Men, Batman e ficou mundialmente conhecido como colorista do
Hulk, da gigante Marvel Comics.
Alegre e cheio de sonhos, este jovem de apenas 25 anos foi vítima de latrocínio, na Praia Grande (SP), em um domingo à tarde.
Um assassino foi flagrado ao roubar outra vítima logo após balear Hermes. Os comparsas nunca foram encontrados.

Daniella Perez
*11/08/1970 +28/12/1992

Atriz e dançarina, foi uma das grandes revelações de 92, através da personagem Yasmin da novela “De Corpo e Alma”, da Rede Globo de Televisão.
Atriz talentosa, teve sua promissora carreira interrompida pelo parceiro de trabalho, ex-ator Guilherme de Pádua e sua esposa Paula Thomaz, que assassinaram a jovem atriz aos
22 anos de idade.
Os criminosos cumpriram apenas seis anos de pena e atualmente encontram-se em liberdade.

Suzeli Regina Tortello Lopez
*15/04/1962 +19/08/2004

Grande amiga, filha exemplar, estava se recuperando de um tumor no cérebro e receberia alta em breve, mas um menor de idade a encontrou antes disso.
Torturou e matou com o objetivo de roubar seu carro e trocar por drogas.
Este assassino estará livre em breve, com a ficha limpa e com seu nome e características físicas protegidas.

Suzeli nunca mais voltará para casa.
Danilo Masahiko Kurisaki
*31/10/1977 +23/03/2001

Danilo Masahiko Kurisaki, 23 anos,
estudante de medicina de Mogi das Cruzes, teve seu sonho interrompido estupidamente em 23/03/2001, por um ex-presidiário com a participação de um comparsa, que chegaram atirando em direção à lanchonete em que Danilo estava, ferindo-o fatalmente. Estes criminosos efetuaram os disparos à esmo, visando atingir seus desagrados que estavam no mesmo estabelecimento que Danilo. Este inocente perdeu a vida e um futuro brilhante como médico pelas mãos de criminosos condenados e livres.

Rodrigo Monteiro Sakavicius
*31/08/1981 +29/08/2004

Rapaz de 23 anos, alegre, batalhador e cheio de planos, este rapaz nascido em boa família de classe média, conheceu através da internet a seita WICCA e partiu para fazer o ritual de iniciação em uma mata fechada.
Na data da iniciação, foi encontrado por criminosos na mata, que o assassinaram friamente.

Os assassinos aguardam julgamento.

Felipe Caffé


Jovem de 19 anos, estudante brilhante de um colégio de São Paulo. Saiu para acampar com a namorada, Liana Friedenbach e foram ambos assassinados por um grupo de criminosos, liderados por um menor de idade apelidado Champinha. Felipe se despediu deste mundo
com um tiro na nuca.

Os assassinos de Felipe aguardam julgamento, mas Champinha estará livre em alguns meses.

Luiz Augusto Antunes Guedes
*09/02/1979 +12/02/1994

Vítima de latrocínio.
Morreu no auge dos seus 22 anos.
Era estudante de engenharia
e trabalhava com informática...
Mais uma vítima da violência que assola nosso país.
É preciso registrar que por essa fatalidade brutal que acometeu esta família, a mãe de Luiz, por desgosto veio a falecer três meses após a morte do filho.

Os assassinos foram pegos,
um morreu e o outro continua preso.
Giorgi Renan Ernlund Metynoski
*19/11/1991 +27/05/2002

Curitiba – Pr, excelente filho e aluno, seu sonho: ser veterinário, eleito o melhor aluno de sua escola e cursava a 5ª série em 27/05/02, quando aos 10 anos de idade um tiro de espingarda 16 mm a queima roupa no pescoço causou sua morte instantânea. Seu assassino: um menor de 14 anos, colega de classe, que mesmo apresentando sérios distúrbios psicológicos, idade bem acima dos demais alunos e acompanhado pelo Conselho Tutelar e foi colocado as crianças normais na escola. E apesar de todas as evidencias de crime, o menor foi apenas “Condenado a se tratar do trauma de ter matado o Giorgio” ficou apenas três dias detido, hoje se encontra solto e convivendo novamente com crianças normais em uma escola, devidamente “protegido pelo Conselho”.

Raphael Alves Franco
*17/06/1986 +01/09/2001

Estudante de 15 anos, assassinado brutalmente com um tiro de calibre 38 na nuca por um menor de 16 anos(Bruno Alcântara de Lima), dentro da sua própria residência na véspera do aniversário de seu pai. O acusado alegou ser um acidente.

Decisão:TJRJ-Comarca de Piraí-RJ

Tendo em vista o atingimento da maioridade civil do adolescente, conjugado com o seu desempenho às folhas 210/215, qualquer medida sócio educativa mostra-se desnecessária e inaplicável, pelo que determino o arquivamento do feito diante da perda de seu objeto, o que contou com o aval do MP, razão pelo qual julgo extinto o feito.

Marcos José Aloise da Rocha
*20/04/1970 +10/02/1995

Jovem de 24 anos, trabalhava no Banco de Boston, cursava faculdade de Administração de Empresas na Faculdade da Cidade. Voltando da aula, numa rua do Méier no Rio de Janeiro, tentaram roubar seu carro e o assassinaram.

Seus algozes nunca foram identificados!
Mais uma vítima da impunidade!

Marquinhos não pode se despedir de sua mãe e partiu levando quatro tiros no peito!

Paulo Veronesi Pavesi
*08/10/1989 +21/04/2004

Paulo Veronesi Pavesi, o Paulinho que salvou algumas pessoas entregando a própria vida sem que ninguém nunca lhe dissesse ao menos obrigado.
Nasceu em Poços de Caldas, em 08 de outubro de 1989 e nos deixou em 21 de abril de 2000, a exemplo de heróis mineiros como Tiradentes e Tancredo Neves.
Teve seus órgãos vitais retirados para doação após um acidente doméstico que resultou em traumatismo craniano. Nos boletins médicos, consta que a doação de órgãos aconteceu "sem morte encefálica" do paciente.

O processo resultou na CPI do Tráfico de Órgãos, sem condenação de culpados.
Jullius Bill
*17/02/1976 +28/05/2004

Seu hobbie era ser DJ, gostava de animar festas,com garra e dinamismo era guia turístico promoveu excursões para shows de cantores , parques de diversão, programas televisivos, destacando Domingão do Faustão e Planeta Xuxa. Ficou desaparecido por 07 dias,foi encontrado em um rio da cidade Iguatama, preso a galhadas na margem, completamente nu, com os tornozelos amarrados , varias escoriações pelo corpo e sua barriga aberta em um corte vertical, proveniente de um instrumento cortante, para não permitir a formação de gases interiores e dificultando assim a submersão do corpo e sua localização. O corpo já em decomposição foi enterrado naquela cidade como indigente. Segundo o legista da necropsia ele fora assassinado, de uma forma bárbara, cruel, com 03 tiros na cabeça. Foi arrastado pelo mato, jogado no rio completamente nu.Veio para nossa cidade,Piumhi, num caixão lacrado em rolado em uma lona preta com cordas, não pudemos vê-lo pela ultima vez, pois já cheirava mal.Os acusados estão soltos, pela brecha da lei
"Excesso de prazo na fase de instrução".

André Francavilla Luz
*01/01/1977 +29/03/2004

Rio de Janeiro - André Francavilla Luz, 27 anos,era formado em Administração de empresas pelo IBMEC RJ,foi sequestrado no dia 11/02/2004 na porta da empresa onde trabalhava,foi assassinado brutalmente no dia 29/03/2004 mesmo depois do resgate pago pela família. Seu corpo só foi encontrado no dia 18/08/2004 num cemitério enterrado como indigente..
André foi uma pessoa que se importava com o próximo.Ele foi um filho, irmão, tio e amigo exemplar, sendo seus sonhos e metas de ajudar a sociedade foram abortadas por marginais que ainda hoje andam pelas nossas ruas e quem sabe procurando
por uma nova vítima.

Priscila Eiras
*11/07/1987 +11/01/2004

No dia 10 de janeiro de 2004, por volta das 17 horas, Priscila retornava de um passeio de moto com seu amigo e namorado Murilo, de dezenove anos de idade (ele, na condução da moto, ela, na garupa), na rua Clímaco Barbosa, no bairro do Cambuci, Capital de São Paulo e foram violentamente atropelados por um menor de 15 anos de idade, que dirigia uma caminhonete Blazer, em alta velocidade (mais de 80 Km/h, “fechando a todos no trânsito), supostamente de seu pai. Com o impacto, Murilo, que estava na condução da moto, foi jogado longe e saiu rolando, o que lhe causou várias escoriações. Priscila, por estar na garupa, sofreu maiores conseqüências: praticamente “voou” da moto e bateu a cabeça na guia (sarjeta), vindo a falecer poucas horas após.

Cláudio Von Randow de Almeida
*13/11/1968 +21/01/2005

Rio de Janeiro - Motorista de van, presente e amável, como marido, filho, irmão e tio. Vítima de latrocínio enquanto cumpria seu dever. Morreu sem reagir.
Ele deixou a lembrança de um homem corajoso, valente, que morreu lutando por um ideal. Sempre sem medo, de cabeça erguida, passando por muitas dificuldades, sem perder a fé.
Dois dos três assassinos já estão presos, aguardando julgamento. Um está foragido.
Thays Coppola Ruff
*22/05/1983 +05/11/2002

THAYS estava grávida de dois meses quando desapareceu em Paraty, Rio de Janeiro, em 5/11/2002 num passeio que ela estava fazendo com o namorado VISUAMBHARA DASA GUTIERREZ VARGAS, principal suspeito do assassinato. Apenas em 08/04/2004 foi encontrada a ossada de THAYS e ao lado da ossada um saco com sua blusa e roupas intimas que foram reconhecidos pela mãe, em um mangue por um pescador próximo ao Camping e também próximos do local onde sua mãe cavou procurando por seu corpo. THAYS foi enterrada em Campinas SP em 18/04/2004 ao lado de seu pai. O suspeito, conhecido como NIMAI, está foragido.

Marcos Monis Monteiro de Lima
*14/02/1964 +05/01/2004

39 anos, trabalhou como autônomo e se preparava para fazer o concurso público, quando teve seus sonhos e sua vida interrompida depois de um dia de trabalho, ao retornar para a sua residência, em uma parada de ônibus, foi vítima de latrocínio por 4 marginais que lhe roubaram a sua mochila com seus livros de matemática e cadernos, e o assassinaram covardemente sem a vítima esboçar nenhuma reação, deixando, mãe e irmãos e uma dor que jamais vai ter fim, e muitas saudades, na primeira segunda-feira do ano às 21:20hs.

Um dos criminosos foi preso, um morto e dois livres.

O caso está na justiça, foi marcada audiência para o autor do crime, mas ele não foi encontrado, mas está com mandado de prisão: chama-se Paulo Cristiano Gomes da Silva, vugo Xuxu, está livre (detalhe: todos eram foragidos)

Enedith Monteiro de Brito
*07/04/1942 +05/09/1982

40 anos, trabalhava em uma fábrica, uma funcionária exemplar, estava se recuperando de problemas de nervos e tinha recebido alta do hospital, teve sua vida interrompida por seu namorado que a assassinou e jogou seu corpo dentro do rio, sendo encontrado por crianças que estavam tomando banho no rio, e eles tiraram o seu corpo de dentro do rio e chamaram as pessoas, neste dia a mesma havia sido homenageada como a funcionária padrão do ano, a faixa da homenagem colocaram no seu caixão. O criminoso ficou em prisão primária e continua livre. Mais uma impunidade.
Servanis Monteiro de Oliveira
*12/10/1959 +08/05/1994

34 anos, estudante, trabalhava, professor, em um dia de sábado às 21:00hs estava em sua residência quando foi chamado por 4 homens, neste momento teve seus sonhos e a sua vida interrompida, assassinaram covardemente com 5 tiros na garagem de sua casa, sem a vítima esboçar qualquer reação: estes assassinos estão livres. Até hoje não se sabe quem o matou e nem porque de tanta violência. Ficando este crime impune.

Rodrigo Maia Casemiro
*11/05/1981 +25/12/1984

Vitima de envenenamento, por pesticida (CARBOFURAM), nesta data 31/07/05, inquerito em andamento no forum de Itauna, Minas Gerais.
Bom filho, pessoa que amava a vida, com grande circulo de amizade, honesto, trabalhador, com futuro promissor.
Tiraram-lhe a vida aos 23 anos. Nos os familiares e amigos esperamos que os culpados nao fiquem impunes!!!
Pablo Gomes Matielli
*03/07/1979 +01/06/2000

Nascido em 03/07/1979 em Sorocaba/SP retornava da faculdade por volta das 21h30 do dia 01/06/2000, onde cursava o 3º ano de Direito, e ao adentrar a residência de sua avó, foi alvejado por 05 disparos de arma de fogo, vindo a falecer no local sem nenhuma chance de defesa.Posteriormente, a Polícia Civil prendeu dois indivíduos que confessaram o homicídio, porém, esclareceram que queriam matar outra pessoa, vulgo "Zelão", traficante de drogas, que seria desafeto de um deles, e que confundiram Pablo, pois estavam drogados e bêbados.Assim, verifica-se que a vida de mais um inocente, que tinha toda uma vida pela frente, foi "arrancada" de forma cruel e fútil obrigando-o a desistir de seu sonhos,bem como de seus familiares, restando hoje, somente as boas lembranças da pessoa maravilhosa, feliz, amiga que foi e que continua sendo em algum lugar que infelizmente ainda desconhecemos.

Rodrigo de Andrade Bezerra
*13/07/1988 +21/05/2005

No dia 17 de maio/05 um menor de 16 anos assaltou dois outros menores – RODRIGO DE ANDRADE BEZERRA e DIEGO RABELO, 16 e 17 anos respectivamente, no bairro do Cordeiro, sendo que Rodrigo veio a falecer no dia 21/05 e Diego perdeu uma parte do pulmão.
Foram vítimas de um jovem com 16 anos e com nove homicídios nas costas.
Foi assaltado próximo a sua casa, em Recife, defronte a casa do amigo Diego que perdeu parte do pulmão e o jovem Rodrigo a VIDA.
Maria Cláudia Siqueira Del'Isola
*20/07/1985 +09/12/2004

No dia 9 de dezembro de 2004, Maria Cláudia Siqueira Del´Isola, jovem de sorriso encantador, estudante de Psicologia e Pedagogia, cujo sentido de vida era desmoronar qualquer gesto de violência com delicadeza e ternura, teve sua vida interrompida aos 19 anos, de forma cruel e insana pelo casal de empregados de sua residência, no Lago Sul, em Brasília, onde trabalhavam e moravam há dois anos. Eles a espancaram, violentaram e enterraram seu corpo numa área próxima ao jardim. Os assassinos, réus confessos, estão presos aguardando julgamento. A família, os amigos e a sociedade aguardam justiça.
Thiago do Nascimento Braz
*30/11/1985 +07/12/2003

Thiago era um rapaz de família humilde, porém honesta, morava na favela do Dendê, lugar este onde não moram apenas marginais, muita gente boa e honesta se encontra ali, por causa da grande desigualdade social em que se encontra o nosso país. Ele era estudante e trabalhador, tinha acabado de completar 18 anos (30/11/03) e estava todo satisfeito, pois havia se alistado para servir a pátria. Havia feito também estágio na Cedae, durante aproximadamente dois anos até 11/2003.Era apenas um rapaz cheio de vida e sonhos, que foi a um baile escondido dos seus pais e namorada para se divertir e que por crueldade de alguns não voltou mais.

Lourival Lemos - Sogro do Thiago

Rodrigo Vale Fonseca
*25/02/1977 +06/08/2005

Rodrigo Vale Fonseca, 28 anos, morava em Brasília e era formado em medicina veterinária desde janeiro/2005, pessoa sensível, amante da natureza e dos animais foi seqüestrado e assassinado no dia 06/08/2005.
Foi salvar a namorada de um estupro e levou 03 tiros.
Os assassinos estão soltos e não foram encontrados pela polícia.
A violência lhe tirou a vida e o impediu de trabalhar, construir uma família, crescer e realizar todos os seus desejos e sonhos, além de tirá-lo do seio de sua família.

Wagner Moreira
*07/03/1961 +12/10/2005

Sempre sorrindo e brincando, trabalhando para criar seus três filhos, aos quais os cinco assassinos deram o presente no dia das crianças! Não teve um velório, Só uma despedida de 15 min, com caixão lacrado! Até isso nos tiraram.
Nosso querido e amado irmão, deu carona para a morte, após um dia de trabalho. Vagabundos planejaram e conseguiram. Estão presos aguardando julgamento por latrocínio.
Marcelo Pacheco de Brito
*03/12/1961 +01/12/2004

Ele era médico e amava a vida, a sua família e a medicina. Foi um profissional ético e competente, respeitado, querido e humano. Era casado há 18 anos, pai dedicado e amoroso de um casal de crianças, orgulho de seus pais e familiares. No dia 1° de dezembro de 2004 Marcelo foi seqüestrado, algemado e covardemente assassinado com um tiro na nuca. Seu corpo foi deixado na Rodoviária de Goiânia-Go.
Foi vítima de uma violência praticada com premeditação, por motivo fútil e torpe. O acusado, um Major da PM, esteve preso por 124 dias e se encontra em liberdade desde 21/06/2005, graças a um habeas-corpus concedido pelo STJ . Ele será julgado pelo Tribunal do Júri por homicídio triplamente qualificado, ainda sem previsão de data.
Temos a firme convicção de que este crime abominável somente aconteceu pela certeza da impunidade dos assassinos.

Juvenil Severino Botelho (Barroso)
*20/01/1957 +20/02/2003

Barroso, como era conhecido por seus amigos, filhos e parentes. Saiu de Brasília/DF com destino a Palmas/TO no ônibus da empresa TRANSBRASILIANA, um dos bandidos embarcou no ônibus como se fosse passageiro e na saída de Brasília entrou na cabine do motorista rendendo o mesmo com uma arma, logo na frente subiu mais dois comparsas. Os bandidos entraram disparando dois tiros para o teto perguntando se tinha policial e o bandido que estava dentro do veículo que nunca foi identificado, executou o Sr. Barroso que estava dormindo no final do ônibus, pois achava que o Mestre-de-Obras era Policial disfarçado.

O trabalhador, pai de família, filho de um senhor de 95 anos, tendo mais 07 irmãos, foi uma das inúmeras vítimas do bandido VANDIR MENDES PEREIRA que "graças à ajuda" da Justiça que concedeu regime progressivo de pena a esse criminoso que ficou foragido e continuava cometendo seus assaltos executando suas vítimas como se fosse uma profissão qualquer. Os outros dois assassinos encontram-se foragidos e nunca foram identificados.

Lidia de Almeida Menezes
*1964 +2002

Lidia de Almeida Menezes, vice-prefeita do Município de Mage-RJ, brutalmente assassinada, na noite de 02/06/2002.

Teve seu sonho interrompido covardemente.

Se os suspeitos estão soltos, quem matou Lidia?

João Cláudio Espinhara Brandão
*1976 +2006

Foi brutalmente assasinado em Garanhuns, no meio de um show ,com uma facada no peito, no dia 24 de julho de 2006.
O acusado ainda esta foragido.
Ficou a dor de perder o nosso João, irmão , filho e pai amado.

A saudade é imensa.
Te amamos João.
Arnaldo Martino Dobscha
*27/05/1968 +25/01/2006

Arnaldo, uma pessoa linda, especial, iluminada! Saudável, cheio de vida, de planos... Amado e respeitado por todos. Um filho e pai exemplar. Morre aos 37 anos vítima de negligência médica num hospital em Divinópolis-MG. Chegou infartado no hospital após esforço físico em futebol e foi avaliado pelo porte físico, foi deixado numa observação por uma hora até morrer, sozinho!
E isto acontece todos os dias e até quando??

Fabianna Menezes
*01.03.1984 +15.08.2006.

Jovem de 22 anos, casada, mãe de uma filha de 1 ano e meio. Fabianna foi atropelada e morta no dia 15/08/2006, nas proximidades do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares em Maceió-AL, por um motorista sem habilitação, bebado e na contra mão, que foi preso em flagrante pela P.R.F. sem prestar socorro, no dia seguinte pagou R$ 1.500 reais de fiança e foi posto em liberdade para que possa atropelar e matar outras pessoas.

Luiz Henrique de Andrade
*31/05/87 +28/09/06

No dia 28/09/06 saiu de seu trabalho, para ir para sua casa aonde não chegou.
Foi encontrado por familiares no dia 15/10/06. Seu corpo estava no meio do mato, em estado avançado de decomposição, com um cinto amarrado no pescoço (que foi usado para arrastar o corpo), sua morte foi causada por espancamento e várias pauladas na cabeça. A policia do Paraná até agora não tem solução e nem esta procurando investigar o fato, embora tenha todas as informações sobre o caso, fornecidas por familiares da vítima.

Fernanda Venâncio Ramos
17 anos

2ª Vítima do serial killer de Teresópolis/RJ – Sequestrada da porta do Colégio Edmundo Bitencourt, em 11 de outubro de 2000 – encontrada estrangulada com os próprios cadarços de tênis, em matagal, 6 dias após, já em decomposição, não teve se quer um enterro decente, pois chegou em caixão fechado e não pudemos nos despedir. O assassino foi preso e reconhecido pelas duas vítimas sobreviventes, Paulo Bianch Yanovich de etnia cigana, 20 anos, foi solto por ser réu primario e aguarda o julgamento em liberdade há 6 anos!
As 3 vítimas fatais - Iara com 14 anos, Fernanda com 17 e Cláudia com 15 - eram boas filhas e boas alunas, foram pegas quando iam a escola.
Os familiares das vítimas aguardam que a Justiça o intime para julgamento, antes que o crime prescreva...
2000 à 2006... até quando esperaremos?

Danilo Ramos Ribeiro
*04/07/1982 +23/04/2000

Nascido em SP no dia 04 / 07 / 1982, foi brutalmente assassinado em Mongaguá, no feriado da semana Santa de 2000, no dia 23 / 04 / 2000, Domingo de Páscoa.
Danilo estava passando o feriado na casa de praia de um colega de faculdade, juntamente com um terceiro garoto. Os bandidos invadiram a casa (madrugada de sábado para domingo) e mataram os três meninos, após muita tortura e crueldade.
Os assassinos foram presos 4 dias depois e condenados a 135 anos de prisão.
Um recorreu e já abaixou para 90 anos. Pelo jeito que as coisas estão caminhando no Brasil, logo estarão nas ruas.

André da Rocha Bicca- DECO
*10/08/85 +08/03/03

Dia 10 de agosto de 2006 ele estaria completando 21 anos...certamente com a alegria de sempre! A casa estaria repleta de amigos, comemorando com ele seu aniversário...porém ao contrário disso,ele está MORTO.
O assassino Humberto Flores Schardong, embora tenha ído a júri popular e tenha sido condenado e também tenha recorrido ao Tribunal de justiça em POA e também tenha sido condenado, segue livre...não estava na audiência, mandou apenas seus advogados. Assim sendo, foi mandado um MANDADO de prisão , PARA QUE A POLÍCIA O PRENDESSE.
MS ELE CONTINUA IMPUNE...ATÉ QUANDO?


Ontem foi meu filho...mas e amanhã?....pode ser um filho seu, um irmão, um amigo...e então o que fazer?

 

Mário Sérgio Gabardo

Aos 20 anos de idade, Mário Sérgio Gabardo teve sua trajetória de vida interrompida por assassinos que até hoje gozam da impunidade, fruto da inoperância das autoridades constituídas do Rio Grande do Sul.
Estudante de Direito da PUC-RS, Mário falavam cinco idiomas com fluência, era interessado pelos negócios do pai e da mãe: uma transportadora de veículos de grande porte. Preparava-se para assumir o comando da Empresa em janeiro de 2006. Na noite de 29 de setembro de 2005, foi morto quando chegava para um churrasco de confraternização com amigos de infância.
Extrovertido e competente profissionalmente, Mário certificou a ISO na da Empresa dos pais. Trabalhou duro e tomou para si, a responsabilidade de liderar o processo e levá-lo até o final, que resultou no reconhecimento dos auditores do BVQI. Tendo a humildade como uma de suas principais marcas, Mário tinha grande versatilidade para manter contato com colaboradores de todos os níveis. Claro nas colocações e objetivos, ele conseguia se fazer compreendido desde o primeiro contato.
Com um grande círculo de amizades, Mário cativava não apenas os que já o conheciam, mas também pessoas com quem mantinha o primeiro diálogo. Franco e amável, sempre demonstrava interesse e vontade de ajudar o semelhante. Nunca se furtou a estender a mão
Dizia sempre: MEU PAI tem uma frota, eu também vou conseguir uma.

 
Essas pessoas não sabiam que estariam ilustrando este álbum...

Quantos outros não sabem que suas vidas estão por um fio?

E que a IMPUNIDADE e a INJUSTIÇA deixam este fio cada vez mais frágil?

Que o abrandamento de leis, os indultos, a benevolência para com indivíduos extremamente cruéis está enterrando nossos entes queridos, dia após dia!

Que hediondo é ver pais enterrando seus filhos, crianças ficando órfãs e jovens tendo suas trajetórias brutalmente interrompidas!

Que hedionda é a impunidade, que mata, aleija, incentiva, destrói!

Que hediondas são as ações que incentivam o crime e se escondem por trás do véu do altruísmo e da benevolência!

Que hediondo é o fato de não termos mais direito à vida!!!

Se você quiser enviar a história e foto de seu ente querido vitimado, por favor, encaminhe para: contato@hermestadeu.com

Nossas vítimas não podem ser esquecidas.

Formato do texto e arquivo para serem enviados:

  • Envie a foto em formato .jpeg, em tamanho 160px (altura) x 125px (largura)
  • Coloque o nome completo, data de nascimento e falecimento.
  • O texto deve ser escrito com fonte tamanho 10 e conter até 3 linhas.
  • Especifique a causa da morte: latrocínio, seqüestro, bala perdida, homicídio, etc, e o andamento ou conclusão do caso na justiça.


Membro da:
Rede Nacional

hermesporjustica.com | hermestadeu.com
Todos os Direitos Reservados - 2006